quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Melhores beijos na hora do sexo

/ /



Para nós, mulheres e homens, existiu apenas uma pessoa que nos beijou como nunca. Alguns fomos afortunados o suficiente para continuar a viver com essa pessoa, outros não.
Agora já não precisa de sonhar apenas com aqueles beijos que lhe fizeram levantar, literalmente, os pés da terra. Está prestes a aprender novas formas de beijar que a farão entrar no reino do prazer muito mais depressa do que esperaria, mesmo que andasse a beijar todos por aí, à procura "daquele" beijo.
Depois de ler este texto, vai ficar armada com tudo o que precisa para que os seus lábios lhe proporcionem tanto prazer quando o que sente ao saborear um acepipe delicioso.
Dado que beijar é uma das funções mais importantes de uma relação amorosa, muitas vezes é esquecida, quando as coisas começam a ficar mais sérias.
Para que as relações correspondam a todos os desejos, é importante que beijar seja algo que todos saibamos fazer bem.
Esta é uma experiência que deve ser feita a dois (claro, não é como aprender a dançar com uma vassoura), por isso é importante a forma como fará as sugestões ao seu companheiro.
Faça sempre o ponto da situação com o que correu bem e não com aquilo que não aconteceu como estava à espera. Não lhe diga que ele não beija bem, a menos que não o queira tornar a ver.
Tenha em conta que as pessoas, geralmente, tocam e beijam as outras da forma como elas gostariam de ser tocadas. Como os homens têm mais força e a pele mais grossa do que as mulheres, eles costumam tocar e exercer a pressão que conhecem para o seu próprio corpo, o que pode ser demasiado para nós, mulheres, especialmente no início da relação. E porque as bocas e línguas dos homens são também maiores, podem tornar-se demasiado violentos num momento de paixão. Mas ao mesmo tempo eles sabem como as mulheres podem passar dos 100 aos 0 à hora, no que respeita ao desejo, como resultado de falta de cuidado ou da demasiada violência. E isso é a última coisa que eles querem quando as coisas começam mesmo a aquecer.
E agora, o segredo para (finalmente) ser beijada da maneira como sempre quis ser beijada. Siga os exercícios e goze os resultados.
1 – Fique no controle. Tome o ato de beijar nas suas mãos. Isto pode ser especialmente agradável se a boca do seu parceiro for demasiado grande para si. Então é da sua responsabilidade beijá-lo como você deseja realmente ser beijada.
2 – Faça-o seguir as suas instruções. Pare quando quiser e diga ao seu parceiro frases como "adoro beijar, é o que mais me excita", "fico húmida quando me beijas" ou outras que a sua imaginação se lembre e depois pergunte-lhe o que ele sente ao ser beijado por si.
3 – Introduza uma fantasia. Diga-lhe que teve um sonho na noite anterior sobre a forma como ele a estava a beijar – e como foi fabuloso esse beijo. Tivesse ou não tido esse sonho, o que interessa realmente é ter uma ideia da forma como deseja que ele a beije . Pense bem o que gostaria de acrescentar à forma de beijar dele , porque assim não vai estar a ofender o ego dele. Se conseguir transmitir-lhe o que deseja através da história do sonho, diga-lhe coisas como "Fizeste algo parecido com isto..." e exemplifique.
4 – Valorize o seu parceiro. Diga-lhe quando o beijo dele lhe agradou. Se ele fizer algo que lhe agrade realmente, repita isso com ele e pergunte-lhe se foi também bom para ele, como foi para si.
5 – Repita sempre. Não assuma que uma vez basta para ele aprender. Os homens necessitam que se lhes lembre as coisas (mesmo aquelas que eles gostam). Repita os exercícios anteriores cada vez que achar que tal é necessário.
E goze em pleno os beijos que ainda lhe faltam dar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

As respostas no Blog não tem custo algum, mas devido a quantidade de perguntas você tem que esperar na fila em torno de 5 a 10 dias

Precisa de uma resposta urgente, marque uma consulta particular no dicasderelacionamento@hotmail.com .


Se algum texto publicado por aqui for de sua autoria, nos envie o link para que possamos dar os créditos. Se não autoriza a publicação de seu texto por aqui nos comunique que retiramos.

A edição desse Blog se reserva ao direito de deletar, sem aviso ou consulta prévia, comentários com conteúdo ofensivo, palavras de baixo calão, spams ou, ainda, que não sejam relacionados ao tema proposto pelo post do blog ou notícia.

Volte sempre: Déia Fargnoli

Siga meu Facebook