segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Atendimento personalizado: via e-mail, skype, telefone e WhatsApp.

/ /







Atendo pessoas que ainda não conseguem ter um relacionamento duradouro, ainda não encontraram o parceiro de suas vidas.



Pessoas que estão num relacionamento conflituoso. Algumas me procuram já decididas pela separação e outras decididas a salvar seu relacionamento. Vejo pessoas desistindo da separação quando antes já estavam decididas por ela, e pessoas que optam por uma separação quando esta alternativa ainda não lhes parecia tão clara.



Pessoas que ainda estão ligadas ao sofrimento daquele momento ou ao ex-parceiro e por isso não conseguem levar a vida adiante.



Pessoas que querem reconquistar o (a) ex.




Para todos os casos, meus clientes compreendem que a vida vale a pena ser vivida em sua mais profunda intensidade. Que momentos simples e singelos são tão significativos quanto datas especiais, e que vale a pena investirmos nos nossos relacionamentos. Casais felizes fazem uma sociedade melhor.



Andreia Fargnoli: Especializada em relacionamentos.



Atendimentos  via e-mail, telefone e Skype e agora WhatsApp   para todos os países. 

Clientes de outros países: Transferências podem ser feitas por  Western Union.

Consulte valores no:

dicasderelacionamento@hotmail.com

Andreia Fargnoli




Participe da nossa página no Facebook: clique aqui


terça-feira, 29 de novembro de 2016

O AMOR NO COLO

/ /
A dor não pede compreensão, pede respeito. Não abandonar a cadeira, ficar sentado na posição em que ela é mais aguda. 

Vejo homens que não têm coragem de terminar o relacionamento. Que não esclarecem que acabou. Que deixam que os outros entendam o que desejam entender. Que preferem fugir do barraco e do abraço esmurrado. Saem de mansinho, explicando que é melhor assim: não falar nada, não explicar, acontece com todo mundo. 

Encostam a porta de sua casa (não trancam) e partem para outra vida. 

Não é melhor assim. Não tem como abafar os ruídos do choro. O corpo não é um travesseiro. Seca com os soluços. 

Não é melhor assim. Haverá gritos, disputa, danos. É como beber um remédio, sem empurrar a colher para longe ou moldar cara feia. É engolir o gosto ruim da boca, agüentar o desgosto da falta do beijo. 

Será idiota recitar Vinicius de Moraes: "que seja infinito enquanto dure". A despedida não é lugar para poesia. 

Haverá uma estranha compaixão pelo passado, a língua recolhendo as lágrimas, o rosto pelo avesso. Haverá sua mulher batendo em seu peito, perguntando: "Por que fez isso comigo?" 

Haverá a indignação como última esperança. 

Haverá a hesitação entre consolar e brigar, entre devolver o corte e amparar. 

Vejo homens que somente encontram força para seduzir uma mulher, não para se distanciar dela. 

Para iniciar uma história, não têm medo, não têm receio de falar. 

Para encerrar, são evasivos, oblíquos, falsos. Mandam mensageiros. 

Não recolhem seus pertences na hora. Voltarão um novo dia para buscar suas coisas. 

Não toleram resolver o desespero e datar as lembranças. Guardam a risada histérica para o domingo longe dali. 

Mas estar ali é o que o homem precisa. Não virar as costas. Fechar uma história é manter a dignidade de um rosto levantado, ouvindo o que não se quer escutar. Espantado com o que se tornou para aquela mulher que amava. Porque aquilo que ela diz também é verdade. Mesmo que seja desonesto. 

Desgraçadamente, há mais desertores do que homens no mundo. 

Deveriam olhar fora de si. Observar, por exemplo, a dor de uma mãe que perde seu filho no parto. 

O médico colocará o filho morto no colo materno. É cruel e - ao mesmo tempo - necessário. Para que compreenda que ele morreu. Para que ela o veja e desista de procurá-lo. Para que ela perceba que os nove meses não foram invenção, que a gestação não foi loucura. Que o pequeno realmente existiu, que as contrações realmente existiram, que ela tentou trazê-lo à tona. Que possa se afastar da promessa de uma vida, imaginar seu cheiro e batizar seu rosto por um instante. 

Descobrir a insuportável e delicada memória que teve um fim, não um final feliz. Ainda que a dor arrebente, ainda é melhor assim.

Fabrício Carpinejar

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Quando morre o apego, nasce a liberdade emocional

/ /



Muitas vezes nos tornamos conscientes da escravidão emocional a que estamos sujeitos quando a nossa relação começa a desmoronar. Isso acontece quando uma pessoa nos fere, ou nos escraviza, ou ainda quando alguma coisa dentro de nós foi quebrada e temos que dizer adeus.
Nessas situações, nós sentimos que o mundo está desligado e uma onda de imensa dor, que está sobre nós, nos impede de respirar. Esta é uma sufocamento emocional e o seu ingrediente chave é a dependência emocional.
Mas, às vezes, é hora de se libertar do apego, do que nos obrigamos a sentir e, é hora de começar uma nova vida, rumo à liberdade emocional. E são estes os momentos nos quais não nos sentimos fortes o suficiente para não seguirmos de mãos dadas com essa pessoa, ou simplesmente com alguém que nos guie.

Desfrutar da solidão para ser feliz como casal

“Durante toda a minha vida, entendi o amor como uma espécie de escravidão consentida. É mentira: a liberdade só existe quando ele está presente. Quem se entrega totalmente, quem se sente livre, ama ao máximo.
E quem ama ao máximo, sente-se livre.
Por causa disso, apesar de tudo que posso viver, fazer, descobrir, nada tem sentido. Espero que este tempo passe rápido, para que eu possa voltar à busca de mim mesma – encontrando um homem que me entenda, que não me faça sofrer.
Mas que bobagem é essa que estou dizendo? No amor, ninguém pode machucar ninguém; cada um de nós é responsável por aquilo que sente, e não podemos culpar o outro por isso.
Já me senti ferida quando perdi os homens pelos quais me apaixonei. Hoje estou convencida de que ninguém perde ninguém, porque ninguém possui ninguém.
Essa é a verdadeira experiência da liberdade: ter a coisa mais importante do mundo, sem possuí-la.”
Onze Minutos por Paulo Coelho

A melhor maneira de ser feliz com alguém está em aprender a ser feliz sozinho. Por quê? Porque desta forma a companhia se ​​torna uma escolha e não uma necessidade.
Nós entendemos o amor erroneamente porque a chave não é o “eu preciso de você na minha vida”, mas o “eu prefiro você na minha vida.” Ignorar os sentimentos de posse e as necessidades de controle nos ajuda a viver em paz e liberdade com nós mesmos.

  

Sua verdadeira liberdade vem quando você começa a entender quem você é e o que você é capaz de fazer. É a sua independência, o cobiçado troféu, que começa quando você se desapega, quando você se livra de suas amarras e olha para a frente, sem precisar de alguém para pegá-la pela mão.
Não ter e não possuir é a melhor experiência que podemos ter de liberdade. O apego a algo significa, de alguma forma, ter que conviver com a escravidão.
Nossa dependência e nosso apego nos tornam escravos, especialmente se a nossa autoestima depende de algo ou alguém. A necessidade de elogios, de carinho ou de atenção faz com que alguém se torne dono do nosso destino.
Não são os outros que nos prejudicam, mas sim nós mesmos quando validamos as opiniões e ações dos outros. Ninguém pode machucá-lo sem o seu consentimento interior, o lugar que deve ser o pilar que suporta a sua arquitetura emocional.
Assim, a autoconfiança e autoestima são sempre as melhores ferramentas para dizer adeus aos vícios desnecessários que prejudicam a nossa vitalidade e o nosso desejo de alcançar a realização pessoal.
Temos de ser os primeiros a nos respeitarmos, deixando de lado as expectativas aprendidas sobre o que nos disseram, que só somos amados se precisam de nós, e que o amor só é amor se vivermos por e para ele.

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Pontos excitáveis do corpo do homem

/ /
Beijos, apertões e toques que arrepiam todas as partes do corpo são algumas das técnicas que a gente faz quase no improviso durante as preliminares para um bom sexo, certo?

Mas, tem alguns pontos – conhecidos como zonas erógenas – que você provavelmente se esquece de dar atenção e que podem gerar muito mais prazer ao seu parceiro.


São áreas do corpo dele que são mega excitáveis para você sugerir (ou partir para a prática) na próxima vez que estiverem sozinhos.

Como excitar o parceiro: zonas erógenas

Lábio inferior


Um superbeijo ou até mordidinhas no lábio inferior são técnicas infalíveis para despertar a sensibilidade do homem. Aposte sem medo de ser feliz.
Publicidade

Mamilos


Por mais que seu parceiro tenha vergonha de falar que gosta, ser tocado nos mamilos pode dar muito prazer a ele. Dê lambidas e mordidas e vá "tateando" o quanto ele curte esse tipo de estímulo.

Coxas




Nos homens, estímulos mais diretos perto do órgão genital dão muito mais certo. Carinhos suaves e passadas de mão na parte interna das coxas são muito desejados por eles.

Pescoço


O pescoço e a nuca são pontos em que você pode concentrar beijos e mordidas. Sentir o perfume que ele estiver usando no momento também vai estimular você!

Virilha


A pele mais fininha da virilha, e por ser perto do pênis, garante mais sensações prazerosas ao homem. Nas preliminares é a hora certa para passar as mãos vagarosamente.

Orelhas


Falar baixinho para arrepiar já é um truque fácil para ter mais prazer. Só que as orelhas também têm terminações nervosas e merecem ser acariciadas e beijadas.

Períneo


Considerado o Ponto G do homem, ele fica entre os testículos e o ânus. É um ponto supersensível: toque e veja seu parceiro sentir muito prazer.



domingo, 25 de setembro de 2016

Pra quê se alimentar tanto com mentiras? Quem te ama não te enrola.

/ /
Todo dia eu recebo dezenas de emails com a mesma pergunta:
"Ele diz que gosta de mim, mas não quer ficar comigo"
Agora me responda:
Existe alguma lógica neste tipo de coisa? Afinal, como é possível um cara querer e ao mesmo tempo não querer? Tudo bem, talvez você ache que ele é indeciso, quem sabe um tanto quanto inseguro, destes que gostam de jogar o velho papo idiota de que têm medo de se apaixonar.
Oras, deixe de se iludir, minha filha! Ou ele quer ou não quer!! Este papo de deixá-la na reserva e aparecer de vez em quando para dar um picote e sumir, no mínimo deve ser porque ele gosta de você apenas na horizontal!
É isso mesmo que leu:
Ele só te quer para uma trepada!!
E nem me venha com este papo de que quando ele aparece é carinhoso, afetuoso e etc e tal, porque isso é o mínimo que um homem pode ser. Sim, porque a mulher tem que estar no bico do corvo para ficar com um cara que nem se dá ao trabalho de dar uns beijinhos e levar para passear. Aliás, quando ele te procura, o lance é na base do "casa-motel-casa"?
Vixe! Então a coisa tá feia demais pro seu lado!!!
Somente mulheres muito iludidas é que se deixam levar por tão pouco.
Caramba, mas nem um lanchinho no MacDonalds ele paga? É direto para o motel?
Puta que los pariu, mas o que tem de mulher que me procura com uns papos moles de, "mas o sexo entre a gente é muito bom"...Oras, pelo menos isso! Já imaginou ele só aparecer de vez em quando para tirar o atraso e o sexo ser uma bosta? E tem mais: mulher apaixonada e burra acha qualquer sexo uma maravilha!! Aliás, qualquer trepadinha de três minutos vira uma noite de sexo de primeira para mulherzinha burra!!
E é por isso que essas infelizes acham que pão com sardinha é caviar!!
"Mas ele diz que me ama..."
Escuta aqui, minha querida iludida, o fato de um homem dizer que gosta de uma mulher, muitas vezes pode não dizer nada. Se ele não tiver atitudes de quem ama, então o "eu te amo" é o mesmo que ele falar que está com dor de barriga.
Se bobear você deve ser centésima que ele diz que ama.
Mas o que me mata de raiva é esta mania que algumas mulheres têm de sempre arrumar uma justificativa para as sacanagens do cara. A mais comum, claro, é que ele sofreu muito por um amor do passado. Ou seja: chifrudo traumatizado! Mas também tem o papo furado de que ele não se sente bastante seguro para trocar uma vida de solteiro: "Ah, mas eu não me sinto pronto para namorar..."
Peraí, meu filha!!! O cara te procura, te leva pra cama, passa o final de semana com você, e ainda tem a porra de coragem de dizer que não está pronto pra namorar?
"Ai, mas eu acho que ele só faz isso porque não está conseguindo lutar contra seus sentimentos"
Acorda, iludida!!!
Você é só mais uma que fornece marmitex para ele!!
Vai crescer e deixa de ser esta tontona que vive chorando por quem não te quer. 
Vergonha na cara não tem nenhuma contra-indicação, sabia?

E pare de se lamuriar com suas amigas, porque paciência tem limites. Claro, elas até devem fingir que vão ao banheiro fazer xixi quando você aparece com aquela cara de chutada. E pode apostar que elas até já sabem que os dias mais críticos são as sextas-feiras, quando ele te deixa largada em casa, e as segundas-feiras, depois de um final de semana típico, quando ele dá um picote, diz que te ama, que você é diferente ( este papo também é ótimo para fazer iludidas de palhaças), e depois se manda.
E nem adianta dar uma de dramática mal amada e nem jurar pela milésima vez que nunca mais vai ser feita de trouxa, porque você não tem esta capacidade!!!! Não tem mesmo!!! Mulher capacho e iludida como você só larga o osso quando o cara se enche e chuta.Aí você vai colar na sola do sapato dele, vai chorar ( que papelão deprimente) , dizer que corta os pulso se ele não voltar.
E vai sofrer por anos e anos até ser vencida pela dor.
Mas é claro que mesmo assim - até o dia em que for pra cova - você vai pensar nele como o grande amor de sua vida!
Por isso, para essas mulheres que vivem me perguntado sobre como esquecer um grande amor, a reposta é simples:
Aprende a se amar primeiro!!!
*Espero que tenha me odiado por escrever isso

Revista Andros/ Dr. Andros

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Como Saber Se Ele Gosta de Mim – 15 Sinais

/ /

Então, como saber se ele gosta de mim?


1) Se um cara tem “amizade” com você e quer estar próximo

É um grande sinal de que ele “mais do que gosta” de você, especialmente se está sempre por perto, está sempre pronto para ajudar e cuidar de você. Claro, há algumas exceções, mas na maioria das vezes, quando você puder notar a tendência dele de estar perto , então há uma esperança de que seu coração tem a chama!

2) Outro sinal fácil de distinguir o nascimento do amor em seu coração é simplesmente quando você encontrá-lo de novo

Se o cara te viu em algum lugar só uma vez , há uma grande possibilidade de que isso não é um acidente; ele estava te procurando e pode até ter ficado esperando na parada de ônibus por 2 horas, só para ver se ele provavelmente “esbarraria” em você. Ou se ele te liga depois do primeiro encontro e quer tomar um café à tarde – isso quer dizer algo, um cara nunca ligaria ou proporia encontrar de novo com uma garota que não gostou.

3) Ele te elogia e oferece presentes inesperados sem motivo…

Pode ser uma caixa de chocolate, flores ou qualquer coisa… isso também é uma pista e um dos grandes sinais de que ele gosta de você.

4) Se ele te convida para assistir um filme e é um filme romântico.

Além disso, se assistir a um filme foi sua iniciativa e você pode fazê-lo ver “Diário de Uma Paixão” ou “Titanic”, tenha certeza, ele está interessado em você.

5) Ele te mostra um grande sinal de “gostar” quando toca em você

Mesmo se for apenas um toque na sua mão, ombro ou costas.

 6) Se o comportamento dele for inadequado, atípico ou incomum

Por exemplo, se ele ficar muito tímido, silencioso e não saber o que dizer, ou ao contrário, começar a brincar e rir demais, pode até mesmo estar brincando com você… todos estes sinais são de que ele gosta de você.

7) Se ele olha mais para você do que para os outros

Quando ele “conseguir” tirar os olhos de você, apenas note: ele te olha quando você está fazendo algo e quando você olha de volta ele olha para baixo ou desvia o olhar? Se sim, então você é especial para ele.

8) Como ele reage quando você fala sobre outro cara na presença dele?

Você nota alguma pitada de tristeza ou dor no seu rosto? Ou ele começa a falar de outra garota linda ou de sua atriz favorita? Nos dois casos, há uma chance grande de ele estar gostar de você.

9) Se ao falar de planos futuros ele menciona você

Mesmo se for algo simples, como falar sobre um evento em um mês e ele pergunta se você irá, é também uma pista!

10) Ele começa a se importar mais com sua aparência na sua presença

Arruma o cabelo dele, os botões da camisa, o relógio, corrige a gravata etc., isso é um sinal inconsciente de que ele quer que você goste dele.

11) Quando se abre sobre a família dele com você

É uma forma de ele se expor para você.

12) Ele faz com que você saiba da vida pessoal dele… e você nunca perguntou

Ele te informa de que está solteiro e que seu coração está livre. Isso é um bom sinal.

13) Ele está “espelhando” seus gestos

Outro sinal de que seu cara está interessado é instintivamente copiar suas ações e sua linguagem corporal. Por exemplo, ele repete a posição das suas mãos no restaurante ou abaixa a cabeça na mesma direção que você enquanto você fala. Nesse caso, ele inconscientemente tenta ser simpático.

14) Se ele te protege, apoia e é solícito

Por exemplo, te cobre com o casaco para te proteger do vento ou chuva, decide te ajudar, mesmo que isso peça o cancelamento de seus próprios planos. Há uma grande chance de ele estar interessado em você.

15) Se ele falar que é bom na cozinha e propõe demonstrar para você

Tenha certeza, uma história de amor está bem próxima…
Claro, esse não é um guia definitivo. Mas quando você parar e pensar “Como saber se ele gosta de mim?”, provavelmente as dicas acima ajudarão você a ter pistas dos sentimentos dele em relação a você.


Irresistível

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Siga meu Facebook