terça-feira, 12 de junho de 2012

Quais são os principais sinais que o parceiro pode dar no dia a dia para eu saber que o relacionamento está se deteriorando?

/ /



Qualquer pessoa envolvida em um relacionamento amoroso sinaliza como está se sentindo na relação. Só não percebe quem não quer... Muitas vezes, os sinais não estão nas palavras, mas sim nas atitudes. E aí é que mora o perigo.

A pessoa diz uma coisa mas faz outra. E o enamorado prefere dar mais credito às palavras do que ao que sente... Essa é a situação típica que conduz a um final doloroso onde, a pessoa abandonada jura que não percebeu nada...
Sinais estão aí para orientar os envolvidos e devem ser encarados como aliados que podem ajudá-los a manter aspectos da relação que vão bem , e rever aqueles que não funcionam. Nesse sentido, estar atento a mudanças de comportamento, atitudes evasivas, mancadas, olhares enfastiados, sensação de estar falando sozinho, enfim, tudo aquilo que em geral um enamorado não quer ver, é essencial para poder salvar um relacionamento que está enfraquecido. Constatado o sinal, o que fazer? Conversar pode ajudar em alguns casos, mas, existem situações em que tentar mudar comportamentos ou atitudes é mais eficaz.
Muitas vezes, quando os sinais ficam muito evidentes, já não há mais o que fazer. Nesse sentido, habituar-se a avaliar e reafirmar o namoro constantemente é a chave para evitar surpresas desagradáveis.
É preferível uma realidade menos romântica do que um romance irreal. O casal só adquire cumplicidade quando é capaz de enfrentar junto tanto as situações prazerosas quanto as conflituosas. E a cumplicidade é um dos principais ingredientes de qualquer relacionamento amoroso. Sem ela, cada um vive seus sonhos isoladamente e a qualquer momento pode acordar... sozinho!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

As respostas no Blog não tem custo algum, mas devido a quantidade de perguntas você tem que esperar na fila em torno de 5 a 10 dias

Precisa de uma resposta urgente, marque uma consulta particular no dicasderelacionamento@hotmail.com .


Se algum texto publicado por aqui for de sua autoria, nos envie o link para que possamos dar os créditos. Se não autoriza a publicação de seu texto por aqui nos comunique que retiramos.

A edição desse Blog se reserva ao direito de deletar, sem aviso ou consulta prévia, comentários com conteúdo ofensivo, palavras de baixo calão, spams ou, ainda, que não sejam relacionados ao tema proposto pelo post do blog ou notícia.

Volte sempre: Déia Fargnoli

Siga meu Facebook